Introduzir os conceitos básicos sobre fluidos e seus movimentos (escoamento de fluidos), bem como a sua caracterização. Apresentação das equações fundamentais da Mecânica dos Fluidos (Continuidade, Naviers-Stokes e de Energia). Aplicações a alguns escoamentos simples.

1. Objectivos

Fornecer aos alunos os conhecimentos técnico-científicos e as competências necessárias para as funções de oficiais de máquinas marítimas no campo da engenharia elétrica, eletrónica e de controlo, ao nível da operação, de acordo com a tabela A-III/1 da convenção STCW 2010. Pretende-se com esta UC contribuir para o conhecimento, a compreensão e a proficiência dos alunos para cumprir com os requisitos de competência nas matérias referidas no Curso Modelo 7.04 da IMO e também fornecer os fundamentos técnico-científicos que habilitam para uma futura actividade profissional na área da engenharia electrotécnica. Como pré-requisitos o aluno deve possuir os conhecimentos correlacionados na área da Electrotecnia.

Pretende-se fornecer aos alunos os fundamentos sobre instalações eléctricas em navios de BT e de AT, e de transformadores, máquinas eléctricas e os seus circuitos de arranque, de controlo e de regulação. São dados os fundamentos dos sistemas de distribuição de energia eléctrica com a interpretação de esquemas eléctricos normalizados.

A leccionação será efectuada através de aulas teóricas e laboratoriais. As aulas teóricas destinam-se aos conceitos fundamentais, à exposição teórica das matérias e à motivação do trabalho pessoal. As aulas laboratoriais destinam-se à realização de trabalhos práticos experimentais, onde o aluno pode verificar a conformidade com a teoria, e a dar experiência prática de instalação e condução de máquinas eléctricas. As aulas utilizam uma combinação de métodos tradicionais de exposição e utilização do quadro com métodos de diálogo, resolução de exercícios comentados, apresentações em powerpoint, realização de experiências laboratoriais e e utilização de software de simulação do tipo Matlab/Simulink e PSIM.

2. Resumo do programa

2.1 Circuitos de distribuição trifásicos AC
2.2 Conversão electromecânica de energia
2.3 Transformadores
2.4 Máquinas de indução trifásicas
2.5 Máquinas síncronas trifásicas
2.6 Máquinas eléctricas em corrente contínua (DC)
2.7 Instalações de alta tensão (AT)
2.8 Componente prática-laboratorial.

3. Avaliação de conhecimentos

Realização de trabalhos laboratoriais em grupo e resolução de conjuntos de problemas individualmente e foras das aulas (NTP). 
A nota teórica (NT) é a média da notas dos 2 testes escritos, individuais, a realizar ao longo do semestre, ou é a nota de um exame final cujo valor não pode ser inferior a 7,0.
A nota final (NF) é o resultado da fórmula: NF = 0,4.NTP+0,6.NT. A aprovação exige NF>=9,5 val.
Nota mínima de qualquer das componentes e dos testes: 7,0 valores.

A componente laboratorial é obrigatória, tem registo de presenças e os exames incidem apenas sobre a componente teórica.

Fornecer aos alunos metodologias de cálculo, a partir dos conceitos da mecânica dos corpos deformáveis para a resolução de problemas de concepção e projecto de sistemas mecânicos.

Compreender e saber aplicar os conceitos fundamentais da teoria da elasticidade em regime linear elástico e proceder à sua aplicação na análise do comportamento mecânico de componentes estruturais e mecânicos sujeitos a esforços axiais, corte, torção, flexão, esforços combinados e análise da instabilidade.